Responsive Ad Slot

Corrida da Galinha

Corrida da Galinha

Polícia sem pistas do pai de santo acusado de comandar ritual com menino de 9 anos

quinta-feira, 12 de julho de 2012

/ Por: Naldinho Oliveira
Da Rádio Jornal

Polícia caça pai de santo acusado de comandar ritual de magia negra, no qual menino de nove anos foi abusado sexualmente e teve a cabeça separada do corpo. O caso revoltou os moradores do distrito de São Domingos, no município de Brejo da Madre de Deus, no Agreste pernambucano. Flanio da Silva Macedo foi visto pela última vez no dia 1º de julho, na Zona Rural da cidade, na companhia de um homem.

O cadáver da criança acabou sendo localizado, nesta terça-feira (10), numa área de dificil acesso no Sítio Camarinhas. A cabeça sem os olhos estava a cerca de um metro do corpo sem roupa, mas com os braços e pernas amarrados. No local haviam objetos usados em rituais, como penas, ossos, velas, bonecos vodus, panelas e comida.

A polícia apurou que o garoto Flanio sofreu violência sexual por cerca de vinte minutos antes de morrer. Um torniquete de madeira teria sido utilizado para quebrar o pescoço até a cabeça se separar do corpo. As equipes de investigação descobriram que o lugar onde o menino foi assassinado é conhecido pelos rituais de magia negra. Luzinete Amara, mãe da vítima, relembra os últimos momentos em que viu o filho – um garoto trabalhador com vida.

A polícia já prendeu quatro pessoas envolvidas no brutal assassinato de Flanio da Silva Macedo, em Brejo da Madre de Deus. O casal Genival Rafael da Costa, 62 anos, e Maria Edleuza da Silva, 51, confessaram o crime. Eles disseram ter recebido R$ 400 do pai de santo para arranjar uma criança para o ritual.

Os moradores do distrito de São Domingos ficaram revoltados e invadiram e destruíram a casa dos acusados. A indignação foi tanta que as pessoas atiraram pedras no posto policial da comunidade e atearam fogo numa viatura. Policiais militares foram acionados para controlar a fúria da população que estava pronta para linchar o casal.

Na noite desta quarta-feira (11), foram presos Ednaldo Justo dos Santos, 33, e Edilson da Costa Silva, 31. Eles negam participação no crime, já que o pai de santo e Genival seriam os autores do abuso sexual. O corpo de Flanio da Silva Macedo, de nove anos, está no Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife. Antônio Dutra, delegado responsável pelo inquérito, afirma que o pai de santo não é de Pernambuco.

Mais
© TV SBUNA de Comunicação
Todos os direitos reservados.