Responsive Ad Slot

Corrida da Galinha

Corrida da Galinha

Acusado de matar sobrinho e filha teria sido visto na divisa com PE

terça-feira, 28 de junho de 2011

/ Por: Naldinho Oliveira
A polícia suspeita que o acusado tenha retornado a sua cidade natal, São Bento do Una, no Agreste pernambucano.
O homem acusado de matar, a facadas, sobrinho e filha na cidade de Delmiro Gouveia - distante 283 quilômetros de Maceió - permanece foragido, sem que a polícia tenha muitas pistas acerca de seu paradeiro. 

No entanto, segundo informação do sargento PM Genáro, do 9º Batalhão, Adronaldo Félix da Silva Siqueira, de 28 anos, teria sido visto já na divisa de Alagoas com Pernambuco, na manhã desta segunda-feira (27), 24 horas depois do crime que chocou a opinião pública na cidade sertaneja - para onde teriam se deslocado três viaturas da Polícia Militar, após a denúncia anônima. 

Apesar da mobilização, a polícia não conseguiu localizar o acusado. De acordo com o sargento, um fato complicador foi a demora da mãe de uma das vítimas e companheira de Adronaldo ter procurado a polícia (para relatar o crime registrado por volta das 7 horas) somente às 15 horas desse domingo (26), já que estaria a se submeter à prova referente a concurso público para provimento de cargos na Prefeitura de Delmiro.

As vítimas foram I.V.S.S., de apenas três anos de idade e filha do casal, além de G.M.A., de oito anos e sobrinho de Maria Aparecida dos Santos Siqueira - que, por sua vez, teria sido informada somente ao deixar o local do exame. O crime teria ocorrido quando a mãe não mais se encontrava em casa, o local do duplo homicídio, à Rua Prefeito Galdêncio Lisboa, nº 217.

A polícia - que está em diligência também em cidades circunvizinhas a Delmiro, além de já ter percorrido povoados daquele município, agora suspeita que o acusado tenha retornado a sua cidade natal, São Bento do Una, no Agreste pernambucano. A hipótese foi reforçada depois de as polícias dos dois estados terem sido informadas, nesta segunda, sobre o suposto paradeiro do acusado. Adronaldo também teria sido visto na zona rural de Craíbas, cidade do Agreste alagoano, mas a suspeita não veio a se confirmar. 

Adronaldo, ainda segundo o sargento PM Genáro, sofre de esquizofrenia. A reportagem daGazetaweb também entrou em contato com a Delegacia Regional de Delmiro Gouveia, tendo sido informada por agente plantonista de que o caso está sendo investigado pelo delegado Manoel Vanderlei. A ação também já conta com o apoio das polícias de Bahia e de Sergipe - que fazem divisa com Delmiro -, já que ambos os estados serviriam como opções para a fuga do acusado. 

Também nesta segunda, a assessoria de comunicação da Polícia Civil de Alagoas divulgou a imagem do acusado, fazendo um apelo à população para que a ajude a prender o jovem de 28 anos. 

Para repassar à polícia informações sobre seu paradeiro, basta entrar em contato com a Delegacia Regional de Delmiro, no 3641-5368, ou recorrer ao Disque Denúncia, no 0800-284-9390, com a polícia garantindo o sigilo da identidade do denunciante.

Gazetaweb.com
Da redação TV SBUNA
Mais
© TV SBUNA de Comunicação
Todos os direitos reservados.